Ilhas Faroe (IX)

O arquipélago das Faroe fica situado a 305 Km ao noroeste das ilhas Shetland, na Escócia. Navegadores vikings em suas incursões por novas rotas e ilhas teriam chegado a esse arquipélago montanhoso e verde em algum momento do começo do século IX. No entanto, tais ilhas não eram totalmente desconhecidas, pois monges irlandeses já teriam passado e tentado fundar uma colônia nelas, mas falhando no intuito. No entanto, por volta de 825, um chefe viking chamado Grímur Kamban, estabeleceu um assentamento em Funningur, na ilha de Eysturoy.

No entanto, o assentamento de Kamban não teria dado êxito e o arquipélago foi abandonado. Décadas depois, por volta de 860, o navegador Gardar, o Sueco passou pelas ilhas e decidiu fundar um assentamento, posteriormente outros navegadores como Naddod, o Viking e Floki Vigeldarson também passaram pelo arquipélago e tentaram estabelecer assentamentos, somente após 870 tais tentativas deram êxito, criando assentamentos fixos nas Faroe.

Nas décadas seguintes outros moradores foram se instalando no arquipélago, vivendo principalmente da pecuária e da pesca. A importância das Faroe somente cresceu depois da descoberta e colonização da Islândia, após o ano 870, em que foram criadas rotas marítimas da Islândia para a Escócia e Irlanda, tornando as Faroe ponto de parada. Além disso, navios que zarpavam da Noruega para a Islândia, as vezes também aportavam nas Faroe.

Imagem: Localização das Ilhas Faroe e territórios vizinhos. Fonte: WikiMedia Commons. Licença: CC BY-SA 3.0

EXPLORE

INGLATERRA

(VIII)

EXPLORE

ESCÓCIA

(VIII)

EXPLORE

IRLANDA

(VIII)

EXPLORE

IMPÉRIO CAROLÍNGIO

(VIII)

EXPLORE

PORTUGAL E ESPANHA (IX)

EXPLORE

ILHAS FAROE (IX)

EXPLORE

ISLÂNDIA (IX)

EXPLORE

GROELÂNDIA (X)

EXPLORE

CANADÁ (XI)

Expansão

nórdica

O Museu Marítimo EXEA é um museu sustentável, que se utiliza do mundo virtual para promover a salvaguarda do patrimônio cultural marítimo associado à relação do ser humano com o Oceano Atlântico.