Naufrágios e Achados isolados

Banco de dados

Vestígios que guardam histórias

O Bancos de Dados Naufrágios do Museu EXEA é formado por embarcações naufragadas nos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Santa Catarina, bem como de achados isolados ligados ao patrimônio marítimo. As pesquisas iniciais foram realizadas entre os anos de 1850 - 1950, tendo como principal fonte de dados os jornais desse período, que trouxeram ricas contribuições e entrevistas com mergulhadores e pescadores locais.​ É importante salientar, que para os dados obtidos pelas entrevistas é difícil precisar a cronologia do naufrágio. O oposto ocorre com os dados provenientes de jornais do período, que traziam as informações mais detalhadas e com apenas dois a três dias após o naufrágio. Os dados relativos ao estado de Santa Catarina compreendem o período de 1850-1900.

156

Número de embarcações naufragadas identificadas nas pesquisas do Museu.

151

Número referente às embarcações naufragadas identificadas em ambiente marinho na Paraíba, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Santa Catarina.

5

Achados localizados em ambientes marinho e terrestre fora do contexto de algum sítio, como um naufrágio ou fortaleza.

arrow&v
arrow&v
arrow&v

Naufrágio

A. O. Anderson

Naufrágio

Tucuman

Naufrágio

Ragna

Naufrágio

Orion

Naufrágio

Marie

Naufrágio

Anne Powell

Naufrágio

Mamãi

Naufrágio

Carolina

Naufrágio

Ruth of Baltimore

Naufrágio

Ravel (Rival)

Naufrágio

Ravel (Rival)

Naufrágio

NBRPE001

Pesquisadores

[Naufrágios Paraíba] Prof. Dr. Ticiano Alves

[Naufrágios Pernambuco] Adv. Esp. Giovanna Wanderley

[Naufrágios Rio Grande do Norte] Adv. Esp. Giovanna Wanderley

[Naufrágios Santa Catarina] Arqueólogo Daniel Réquia

Fonte documental central

Hemeroteca da Biblioteca Nacional Brasileira

Outras fontes

[Naufrágios Paraíba] Entrevistas com mergulhadores e pescadores

Mapas

[Naufrágios Paraíba] Construídos pelo Instituto Politécnico de Tomar - IPT / Portugal em parceria com o Museu Marítimo EXEA.

CRÉDITOS

O Museu Marítimo EXEA é um museu sustentável, que se utiliza do mundo virtual para promover a salvaguarda do patrimônio cultural marítimo associado à relação do ser humano com o Oceano Atlântico.