Bahia

ANO

1887

BANDEIRA

Brasil

TIPO DE EMBARCAÇÃO

Vapor

ÁREA DE ATUAÇÃO

Sem informação

NOME DA EMPRESA

Companhia Brasileira

ORIGEM

Parahyba do Norte

DESTINO

Recife

ANOTAÇÕES

[Fonte 1] A notícia traz informações ainda incompletas do vapor Bahia, naufragado após abalroamento com o Pirapama, na altura de Goiana / PE. [Fonte 2] As informações sobre o naufrágio são mais consistentes. Até aquela edição do jornal, sabe-se de 62 mortos. O Bahia media 14542 toneladas inglesas de arqueação; tinha 280 cavalos; tripulação de 60 homens, sendo marinheiros e empregados de bordo; e possui acomodações para 100 passageiros de ré e 400 de convés. De acordo com a notícia, o Bahia possui um seguro de 36mil libras, sendo 24 mil na companhia a que pertence (não divulgado o nome) e 12 mil na Home Cloonial Marine Insurance Company, de Londres. (Fonte 3] Relata que, o vapor Bahia, vindo do sul, entrou no Porto da Parahyba no dia 08 de Julho de 1884.

FONTE(s)

GUTEMBERG. Naufragio do Bahia. Maceió. 27 de Mar. 1887. 4 f., p. 2. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/809250/1460>. Acesso em: 10 jan. 2017.

GUTEMBERG. Naufrágio do Bahia. Maceió. 10 de Abr. 1887. 4 f., p.2. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/809250/1500>. Acesso em: 10 jan. 2017.

LIBERAL PARAHYBANO. Dia 18 - 2ª Secção: Presidencia da Provincia. Parahyba do Norte. 30 de Jul. 1884. 4 f., p. 2. Disponível em: <http://memoria.bn.br/DocReader/704989/488>. Acesso em: 12 Jun. 2017.

O Museu Marítimo EXEA é um museu sustentável, que se utiliza do mundo virtual para promover a salvaguarda do patrimônio cultural marítimo associado à relação do ser humano com o Oceano Atlântico.